Apresentação do Portal - BALCAR
Projeto BALCAR - Emissões de Gases de Efeito Estufa em Reservatórios de Centrais Hidrelétricas
logardescriçãoequipemetodologiaestado da arte
home
coordenação
apoio
realização
Portal
Este portal constitui a interface de acesso aos dados do Projeto BALCAR - Emissões de Gases de Efeito Estufa em Reservatórios de Centrais Hidrelétricas.
A base de dados é formada por coletas in situ de equipes que têm como objetivo obter dados para:
  • Estabelecer diretrizes para o planejamento de estudos de emissões de Gases de Efeito Estufa (GEE) em hidrelétricas, levando em conta os diferentes tipos, tamanhos, idades e localizações dos reservatórios no Brasil;
  • Padronizar os métodos de amostragem (espacial e temporal), coleta, análises físico-químicas e biológicas, assim como as análises dos dados e avaliações dos resultados para que os resultados sejam comparáveis e para que possam ser utilizados nos inventários nacionais de emissões;
  • Levantar e definir boas práticas para o gerenciamento relativo às emissões de GEE em reservatórios hidrelétricos;
  • Desenvolver modelos para análise dos dados que permitam:
    • Identificar a origem das emissões e remoções de GEE nos reservatórios hidrelétricos, diferenciando as interferências antrópicas;
    • Estimar as emissões e remoções de GEE que ocorreriam sem a presença do reservatório;
    • Realizar estudos para o entendimento do balanço de carbono na bacia de reservatórios, em suas diferentes formas - orgânicas e inorgânicas, na água e sedimentos.
Base de Dados
Atualmente a base de dados é constituída pelos seguintes tipos de dados:
  • dados de campanha: são formados por coletas realizadas in situ em campanhas com datas e localidades (reservatórios) distintos com o objetivo de coletar parâmetros na interface água-sedimento, coluna d'água e interface água-atmosfera. A base de dados de campanha é formada pelos dados do Projeto Balanço de Carbono nos Reservatórios de FURNAS Centrais Elétricas S.A., que foi um projeto precursor desse projeto, e também pelos dados das campanhas atuais, que podem ser acessadas em "campanhas", após efetuar o login;
  • dados de estações de coletas autônomas: são formados por coletas realizadas de hora em hora e transmitidas por satélite, ou seja, disponibilizadas em tempo quase real, por um sistema fundeado em alguns locais dos reservatórios. Desta forma, tem-se uma ampla amostragem temporal. Os dados podem ser acessados em SIMA;
  • dados de sensoriamento remoto: são formados por dados extraídos de imagens de satélites. Atualmente, a base é formada pelas delimitações das bacias hidrográficas dos reservatórios, mapeamento de uso e ocupação do solo na área das bacias e dados de precipitação diária. Os dados podem ser acessado em "mapas", após efetuar o login.
Fomento
Os recursos utilizados neste projeto foram fornecidos por
  • Chesf - Companhia Hidro Elétrica do São Francisco;
  • Eletronorte - Centrais Elétricas do Norte do Brasil;
  • FURNAS Centrais Elétricas S.A.
No âmbito da lei 9.991/2000, que estabelece um investimento mínimo anual de 1% de seu lucro líquido, das companhias geradoras de eletricidade, em pesquisa e desenvolvimento no setor elétrico. Os procedimentos para os projetos são determinados pela Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL).
A coordenação pela execução do projeto é do CEPEL - Centro de Pesquisas de Energia Elétrica.
©  BALCAR